Indicadores de RH: Entenda e Aprenda a Calcular o Turnover

Proportion
Categories: Business

Este é o segundo artigo da série onde falamos sobre indicadores e métricas. No artigo introdutório – Diferença entre Métrica, Indicador e Meta – vimos que medir resultados é muito importante para o planejamento de uma organização, e ter bons indicadores e métricas nos ajudam a manter o plano traçado na rota certa.

Ainda com esse conceito em mente, e avaliando que o principal ativo de uma empresa é saber lidar com o seu capital humano, vamos começar abordando sobre alguns dos indicadores que podemos utilizar na gestão de pessoas. Saber se temos uma equipe engajada e capacitada é muito importante nesse processo. Conheça então alguns desses indicadores:

  • Rotatividade (Turnover)
  • Absenteísmo e Frequência
  • Competências e Desempenho
  • Recrutamento e Seleção
  • Treinamento
  • Liderança

Neste artigo iremos abordar sobre o índice de rotatividade (turnover) e como calcular de uma forma prática.

Índice de Rotatividade (Turnover)

O turnover é o indicador que mede o quanto uma companhia ou equipe troca de profissionais ao longo do tempo. A entrada e saída de funcionários pode estar relacionada a vários fatores. Os mais comuns podem ser improdutividade, salário, desmotivação, tédio, falta de reconhecimento profissional, dentre outros. Devemos analisar cuidadosamente cada um dessas causas e tomar ações para mitigá-las.

Porém tão importante quanto entender o que leva um funcionário a pedir demissão, precisamos entender também o que leva a empresa a demitir um funcionário. Quanto maior for a rotatividade dentro da sua companhia, novos processos seletivos deverão ser realizados. E processos seletivos costumam ser onerosos, além de acarretar em outros custos como treinamentos, aquisição de uniformes, dentre outros.

Para calcularmos o turnover precisaremos de determinadas informações para construirmos algumas métricas.

  • Movimentação de colaboradores (contratações e demissões)
  • Número de colaboradores ativos.

Quanto melhor classificadas qualitativamente forem essas informações, mais poderemos analisar. Por exemplo:

Saber o motivo de cada uma das demissões, a data das contratações e demissões, o tempo de permanência dos colaboradores, etc.

Turnover Geral

Com esse indicador você vai conseguir entender como funciona a taxa de movimentação. Ele considera o número de contratações e desligamentos. Vamos a fórmula:

[ (Nº Admissões + Nº Demissões) / 2 ] / Nº Funcionários Ativos

Perceba que ao utilizar a fórmula acima, se a empresa estiver em uma fase de expansão o seu turnover poderá ficar elevado, pois o número de admissões irá refletir o resultado final. Para contornarmos essa situação, podemos calcular o Turnover de Desligados.

Turnover de Desligados

Aqui o cálculo é mais simplificado. Com esse indicador você conseguirá analisar a capacidade da sua companhia em reter colaboradores. A fórmula é:

Nº Demissões / Nº Funcionários Ativos

Pode ainda ser interessante dividir esse indicador em dois, considerando o número de Demissões Ativas (quem pediu demissão) x Demissões Passivas (quem foi demitido).

Para entender melhor na prática, gravei uma vídeo aula ensinando a calcular esses indicadores usando o software de SSBI da Microsoft, o Power BI.

Confira o vídeo: Como calcular o Turnover no Power BI

Agora é com você: diga-nos quais são os principais indicadores que você trabalha no dia a dia, e quais gostaria de conhecer melhor.

Related Post

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *